Backfire

Problema
A quebra de receitas da indústria discográfica portuguesa na última década foi da ordem dos 80%.

Resolução
A AFP (que representa 95% da indústria nacional) move processos criminais contra utilizadores portugueses que partilham registos musicais em redes peer-to-peer.

Saldo
Duas condenações desde 2008 em que as penas de prisão foram substituída por dias de multa.

Recomendação
Sugerir à malta da AFP que aprendam alguma coisa com os imensos casos de estudo em que editoras e projectos musicais conseguem obter lucros fabulosos com a fomentação, junto dos fãs, da partilha da sua música nas plataformas digitais. Que casos são esses? Muitos deles vêm referidos e analisados em diversas obras publicadas recentemente como, por exemplo, esta, esta e esta. Não apenas serão capazes de aprender alguma coisa com estes livros, como a sua leitura acabará por ser mais rápida e menos onerosa do que enveredar por ridículos, morosos e infrutíferos processos criminais dirigidos a potenciais e mui susceptíveis clientes. Como eu.

One comment on “Backfire

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s